DIA

Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Na vida não tem meio termo, ou é ou não é. Não pode ser "mais ou menos"

Bom dia!!!. É muito bom receber um bom dia você não acha?

Muitas pessoas acham que não. Muitas pessoas são "mais ou menos". Tem gente que nem olha nos olhos. Essas são "mais ou menos". Para elas tudo é "mais ou menos". Se perguntarmos para essas pessoas como está o dia ela responde " mais ou menos". Como mais ou menos, o papo é reto, ou é ou não é.

Mais ou menos mostra muito mais falta de vontade do que quem diz: "O dia está péssimo mas vai melhorar". É melhor ouvir assim do que "mais ou menos". Caraca moleque é desestimulante. Você pergunta para uma pessoa dessas como foi o dia, ele responde mais ou menos. Mais ou menos nãoooooooo, foi bom ou foi ruim, é melhor.

Pensando bem, a semana que está acabando, nem tudo foi como sonhamos; mas isso não significa que temos que avaliá-lo como uma semana ruim ou como uma semana mais ou menos.

Quem crê num Poder Superior sabe que tudo o que aconteceu, e tudo o que ainda vai acontecer na semana que vem ou no mês  que vem chegando, seja bom ou ruim, vai contribuir para o nosso bem maior, mesmo que não pareça à princípio. Mas fique sabendo que na vida não tem meio termo, ou é ou não é.

Chico Xavier escreveu uma vez que “podemos ter um governo mais ou menos, morar numa rua mais ou menos, numa casa mais ou menos e dentro de uma cidade mais ou menos. Podemos também comer mais ou menos bem, dormir numa cama mais ou menos, e até acreditar mais ou menos no ano novo que vem chegando. Podemos, enfim, olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos. Mas o que não se pode, de jeito nenhum, nem nesse ano que está aí pertinho nem nos outros, é ter fé mais ou menos, acreditar mais ou menos, ser ético e honesto mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, e, o pior, não podemos, em nenhuma hipótese, sonhar mais ou menos ou amar mais ou menos. Se fizermos isso, vamos nos tornar uma pessoa mais ou menos, que é o pior que nos pode acontecer.

A verdade é que você não pode deixar nada mais ou menos na sua vida ou é ou não se tem um governo mais ou menos, vamos melhorar, se mora numa rua mais ou menos, vamos melhorar, se mora numa casa mais ou menos, vamos trabalhar e reformar e melhorar e se você mora em uma cidade mais ou menos, tente ajudar a melhorar essa cidade.

Então já sabe, quando perguntarem algo que tenha uma avaliação sua não diga "mais ou menos".


Bom dia para todos


Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias






Imaginem, o programa foi tão ruim, mas tão ruim que Anita salvou o programa

Ontem gostaria muito de ter feito nossa coluna, mas por motivos particulares fiquei impossibilitado. Ontem gostaria de ter falado do Programa "Tomara que caia" da Rede Globo. Acho que o programa deveria se chamar "Tomara que saia" poor que é uma porcaria. 

O BONI deveria falar para os atores procurarm mais a plateia e pedir o que o elenco deveria fazer, pois nas duas vezes que isso aconteceu foi que demos algumas gargalhas ou sorrisos no canto da boca. O programa é muio ruim e é uma copia do que já foi feito na MTV e na BAND com grande sucesso. O Boni não sabe que quando se copia alguma coisa devemos tentar ser melhores. Isso não aconteceu.

O programa Tomara que Caia, da Rede Globo, teve uma das piores estreias da história da emissora, além da queda da audiência deixada pelo Fantástico, o humorístico foi duramente criticado nas redes sociais. Os sites também não pouparam críticas ao programa, o blog da Veja repercutiu às fortes criticas que o programa levou e ainda destacou que a melhor parte foi a participação de Anitta. Confira a publicação completa abaixo.

A ideia era curiosa, mas o resultado rendeu apenas sorrisos amarelos – e muitas, muitas críticas na internet. Exibido no horário do reality show musical SuperStar, a nova atração dos domingos da Globo tentou misturar humor e interatividade, ao vivo. O problema: com piadas requentadas e um elenco sem tino para o improviso, o Tomara que Caia acabou provocando mais constrangimento que graça – e virou alvo de uma saraivada de críticas nas redes sociais.

Imagine se você pudesse, com um toque no celular, alterar os rumos da trama de programas humorísticos como o Sai de Baixo: é essa a proposta, em linhas gerais, da novidade da TV aberta. Dois grupos de atores disputam a preferência do público e, em determinados momentos, são desafiados a improvisar a partir de temas escolhidos por seus concorrentes ou pelo público. Nessas “interferências”, a graça das esquetes deveria atingir seu ponto máximo. Não foi o que ocorreu no episódio de domingo (19).

A audiência não decepcionou: ficou no mesmo patamar de SuperStar. Já na internet muitas foram as reclamações sobre um elenco com poucos destaques – apenas Heloisa Perissé, Fabiana Karla e Daniele Valente provocaram algumas risadas. Já Priscila Fantin e Ricardo Tozzi decepcionaram e Eri Johnson, Marcelo Serrado e Nando Cunha apenas seguiram o script, sem muita inspiração. O roteiro, aliás, foi sofrível – e só sobreviveria com a presença de atores bons como Miguel Falabella, Tatá Werneck e Tom Cavalcante.

Resultado, o impressionante foi que a funkeira Anitta, em participação especial, parecia tão espontânea quanto os colegas de elenco – e acabou roubando a cena.

Para você ter uma ideia de como foi ruim para essa cantora salvar o programa.


Bom dia para todos

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias


Pesquisa : Revista Veja
Foto         : GShow - Reprodução TV Globo

Hoje éééééééé´sexta-feiraaaaaa. Graaaaçaaaaaassss aaaa Deuuuuuusssss!!!!

Como dizia meu amigo Edmílson Felix, Secretário de Comunicação da Cidade de Arraial do Cabo, quando trabalhava em rádio junto comigo, éééééééé´sexta-feira, graças a Deus.

Ele tinha razão quando usava esse grito de guerra quando entrava no ar toda sexta-feira. 
É muito bom mesmo quando chega esse dia.

Amigo, pense bem, AMANHÃ É SÁBADO. 

Amigos, podem aproveitar: Final de semana à vista! lalalala,lalala. 
Final de semana é bom demais.

Continue lendo.

"No Rio todos amam seus times de coração, mas todos são apaixonados pelo America. Discorda disso?"

Minha crônica de hoje será um pouco regional, pois estou feliz pois um time que gosto volta a elite do futebol do Rio de Janeiro. Hoje deveria escrever na coluna de esporte do meu amigo Wagner Augusto em nosso jornal, mas como este é o meu espaço, o faço aqui.

Sou fã do "mequinho" como é conhecido o Time do America carinhosamente. Todo mundo, acho eu, gosta do America. Todos tem o primeiro time como amor incondicional, mas tem o America como sua segunda paixão.


"Se está infeliz não leia este crônica ela pode deixar você feliz"

Ola queridos amigos leitores.

Tranquilo, sem grandes problemas. Os problemas não aparecem quando você pensa reto e positivo. É desta maneira que eu penso. E gostaria de passar para todos. 


Pense coisas ruins, receberás coisas ruins. Pense coisas boas, receberas coisas boas. 
Você pode mudar seu modo de pensar, só não pode mudar o modo de pensar dos outros. Mas, com o seu exemplo de felicidade e prosperidade com pensamentos positivos e bons, você muda o jeito de pensar dos outros. Todos irão copiar você por você irradiar energia boa.

É mais fácil mudar você do que o mundo. Bons exemplos o mundo segue. A história que colocamos hoje na reflexão do dia é exemplo ideal para o que colocamos aqui agora. Mude você para ser mais feliz. Não culpe o mundo por que você está infeliz.

Abra essa sua cabeça para essa ideia que estou passando para você. Se você já conhece, porque não coloca em prática. A mente que se abre a uma nova ideia jamais volta ao seu tamanho original, já dizia Albert Einstein. Vamos colocar então está mente grande.

Outra frase boa para passar para você é de Martin Luther King Jr.

"Suba o primeiro degrau com fé. Não é necessário você ver a escada. Apenas dê o primeiro passo."

Então já sabe, dê o passo inicial e segure o que estou passando ou lembrando para você e só pensamentos positivos e ânimo de hoje em diante e depois é só esperar que as coisas boas estão a caminho.


Bom dia e boa semana


Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias





CLIQUE AQUI E FAÇA SUAS COMPRAS EM NOSSA LOJA VIRTUAL



"Vento,vento,vento,vento, não aguento mais com tanto vento"

Eu vim voando para a redação hoje. Não aguento mais esse vento que rola em nossa Costa do Sol. Não da para ir a praia correr com um vento desses. 

Quando você passa o protetor, que é muito importante, vem aquele vento e joga aquela areia toda e vira uma verdadeira coxinha de galinha bem empanada. 

Deveria ter alguma coisa para se fazer parar vento.

A noite vem aquele vento frio. O calor veio do sol forte e também do afastamento do ar polar, que manteve o vento frio sobre desde o fim da semana passada. A quantidade de nuvens diminuiu e o sol predominou desde cedo.

A queda da umidade foi muito grande. A Organização Mundial da Saúde recomenda um nível de umidade em torno dos 60% para o conforto humano.


No próximo fim de semana, uma frente fria vai passar pelo litoral, mas sem força para vencer o ar seco e quente que já atua forte sobre o Sudeste. Esta frente fria não deve causar mudança no tempo no, que deve ter um fim de semana com muito sol e muito vento.


tem gente colocando lençol aberto para andar de bike de tanto vento.

Chega de vento, não aguento maisssss. rssss

Até amanhã

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias




Foto : Irepolho

"Sorria você está sendo filmado"

Bom dia amigo de todos os dias. Sorria você está sendo filmado.

Espero que você tenha alcançado a vitória neste final de semana. Ao menos tenha alcançado a paz que precisava para o seu corpo e alma.

Para se ter a paz é preciso viver bem a algumas pessoas não sabem viver bem. 


Hoje em nossa página "Reflexão do dia", que acontece de segunda a sexta , buscamos dicas de viver bem. Quem estiver predisposto a segui-las bom proveito das parábolas, sorria para a vida.

Faça uma saudação à vida: SORRIA. Mas não sorria apenas com os lábios, sorria com os olhos, com a alma. Depois, respire algumas vezes profundamente, e expire lentamente, ritmicamente.

Com o sorriso você ilumina a vida. Com a respiração profunda você melhora a sua circulação sanguínea e a sua saúde física e psíquica, saúde do corpo e saúde da alma.

Confie profundamente em Deus, mas confie, também, em você. Ame a vida, as pessoas, a si mesmo. Valorize-se. Agindo assim, com certeza mudaremos o mundo, acabaremos com o medo e violência, e construiremos a paz. É o que precisamos na minha humilde opinião.

Vamos construir um mundo novo, com amor, muito amor no coração.

Por tanto, sorria. Olhe a vida com os olhos do amor. Faça o que estiver ao seu alcance para diminuir as injustiças sociais. Todos somos merecedores da felicidade.

Sorria você esta sendo filmado. rsssss



Bom início de semana

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias




"Hoje é o Dia da Lei e também o Dia da Pizza. Rssss"

A foto parece que vou falar de alguma Pizzaria nova, da até água na boca. Mas o papo é outro, é sobre o dia de hoje 10 de julho.

É estranho mas é verdade. Coincidência ou não o Dia da Lei é junto com o Dia da Pizza. É mole?

Todos os anos, quando chega o dia 10 de julho, amplamente é divulgada uma importante comemoração... O dia da pizza. Mas, não é só isso que é comemorado. No dia 10 de julho comemora-se, também, o Dia Mundial da Lei.

Pode parecer brincadeira ou mera coincidência, mas o dia 10 de julho é Dia da Pizza e Dia Mundial da Lei.

Infelizmente, algumas vezes, vê-se o desrespeito das leis em nosso país, dando a impressão para a população de que tudo acaba em pizza

A bem da verdade, a nossa legislação é uma das melhores do mundo. O problema é por em prática tudo o que lá está. Aliás, há excesso de leis.

Assim, o Dia Mundial da Lei, não é tão conhecido quanto o Dia da Justiça (8 de dezembro) ou o Dia da Fundação dos Cursos Jurídicos no Brasil (11 de agosto) e também o Dia da Pizza que você sabia e desconhecia o Dia da Lei.

O Dia da Lei surgiu em 01/05/1958, de um presidente dos Estados Unidos da América (Dwight D. Eisenhower), a ideia de se criar uma data para lembrar a norma. Em 1965, a iniciativa foi adotada por outras nações passando a ser comemorado o Dia Mundial da Lei em 10 de julho. Dessa maneira, a referência à data é utilizada para lembrar a importância do cumprimento da Lei.

É necessário lembrar que Lei significa toda norma ou conjunto de normas jurídicas criadas através dos processos próprios do ato normativo e estabelecidas pelas autoridades competentes para seu efeito. Pode ser utilizada em vários sentidos, a palavra LEI. 

Em um sentido mais amplo, pode-se dizer que é toda regra jurídica, escrita ou não, atingindo a cultura e todas as normas formalmente produzidas pelo Estado. 

Assim, nessa ótica, a Lei é a Constituição Federal, Emenda Constitucional, Medida Provisória, Decreto, Lei Ordinária, Lei Complementar etc. Em um sentido mais restrito, é somente a regra jurídica escrita (exclui-se o costume jurídico).

Vale destacar que a Lei está presente em praticamente tudo o que fazemos e vivenciamos. Quando saímos de casa, obedecemos as leis de trânsito e transporte; o uso do telefone obedece a normas e leis (desde o preço até a forma da prestação do serviço); ao trabalhar, obedecemos normas trabalhistas; quando vamos nos aposentar, leis previdenciárias; em nosso lar, temos leis que nos regra a convivência com os vizinhos e familiares etc. Enfim, há lei para tudo (ou quase tudo). Até para escrever um simples texto como esse, há normas e leis que dizem quando deve se acentuar, pontuar etc.

Assim, o que se comemora não é o Dia da Lei, mas o seu cumprimento (tanto, em nível municipal, estadual ou federal). A justiça é concretizada quando as leis são cumpridas e a Constituição Federal é respeitada. 

Bom, em outras palavras, quando não acaba em pizza. kkkkk

Um ótimo fim de semana

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias


Fonte : www.bachurevieira.com.br)



"Sofri a 1 ano com o 7 x 1 mas agora eu vibro. A verdade é que o Brasil ganhou. Confira."


Amigos que sofrimento foi aquele em 2014. Caraca!! Ontem da 8 de junho fez um ano. Parece que foi ontem essa goleada. Mas amigos de todos os dias, podem vibrar, gritar por que o Brasil venceu aquela partida. Ontem na coluna de curiosdades em nosso Jornal O Resumo foi colocada uma matéria fantástica. 

A redação foi muito competente de buscar esse vídeo que comprova a vitória do Brasil sobre a Alemanha, rsssssss. 

A se fosse verdade......

A coluna 'Você saba? colocou essa matéria.

"A exatamente um ano o Brasil tomava a histórica goleada de 7 x 1 da Alemanha. O Número 7 tem lá o seu lado meio cabalístico, não é mesmo? Sete notas musicais, sete dias da semana, sete pecados capitais, sete a um no jogo contra a Alemanha naquele fatídico 8 de julho de 2014.

O fato é que há exatamente um ano todo brasileiro que tenha o mínimo interesse por futebol se pergunta como seria se tivéssemos vencido aquela última partida. E se, de repente, algum milagre tivesse acontecido e o final da Copa do Mundo, que sediamos em casa, tivesse nos deixado com um gostinho de vitória?

A verdade está agora aqui. O Brasil venceu a Alemanha povo brasileiro

Veja o vídeo e satisfaça e se vingue dos Alemães.

Descobrimos um vídeo para o povo brasileiro ficar mais alegre

Da mesma forma que o site Brasil Alemanha Eterno continua calculando o placar do jogo, caso ele estivesse acontecendo até hoje, algumas pessoas resolveram tocar na ferida e editar alguns momentos daquele duelo bizarro de modo que saíssemos como vitoriosos. É isso que você pode ver no vídeo.

Depois de assistir, pode vibrar. rssss

Isso é um consolo ou mais uma baita provocação?

Veja o vídeo




Brasil, Brasil, Sou brasileirooooo com muito orgulhooooo..... Eu sei que é mentira esse vídeo, mas deixa eu fazer o que eu queria fazer naquele dia.Rssss...

Parabéns pela matéria redação

Bom dia amigos

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias
FONTE(S)
IMAGENS

"O pão de cada dia nos dai hoje"

Eu adoro pão. Quem não gostar que atire a primeira pedra. Acho que todos mundo sabe o que é ser um padeiro. Uma profissão que se não existisse seria o caos, rsss. Eu não ficaria sem meu pão diariamente. Fiz uma varredura na internet em busca dessa profissão que se comemora hoje. Achei muitas coisas.

A profissão de padeiro tem um significado maior do que a simples feitura de pães, doces ou bolos. A história do pão e, conseqüentemente, a do padeiro, permeia toda a história da humanidade, principalmente no âmbito religioso.

O pão se tornou o símbolo da vida, alimento do corpo e da alma. Até hoje simboliza a fé, na missa católica, pois a hóstia consagrada representa o corpo de Cristo.

O pão faz parte da alimentação humana há milhares de anos a.C., quando ainda era feito com o fruto do carvalho triturado, lavado com água fervente para perder o amargor e posto a secar ao sol.

A utilização de farinhas na feitura do pão veio bem depois, visto que era usada apenas em sopas e mingaus. Mais tarde, à farinha foram adicionados outros ingredientes: mel, azeite doce, mosto e ovos, formando uma espécie de bolo que teria sido o antepassado do pão atual.

Os egípcios foram os primeiros povos que utilizaram fornos para assar pães. É também atribuído a eles o acréscimo de um líquido fermentado à massa para deixá-la mais macia e leve.

O Brasil conheceu o pão apenas no século XIX, conforme o sociólogo e antropólogo Gilberto Freyre. Antes disso, consumia-se o beiju.

A atividade panificadora no Brasil se expandiu com os imigrantes italianos. Nas grandes cidades proliferaram as padarias, muito conhecidas na cidade de São Paulo, mais especificamente no bairro do Bexiga, onde ainda são fabricados pães típicos italianos.

A história da padroeira dos panificadores, santa Isabel, vem de Portugal. Conta-se que em 1333, em Portugal, houve uma fome terrível; nem os ricos foram poupados.

D. Isabel, uma rainha muito virtuosa, casada com o rei D. Diniz, empenhou suas jóias e mandou vir trigo de lugares distantes para abastecer o celeiro real, mantendo, dessa forma, seu costume de distribuir pães aos pobres durante as crises. Sua caridade, porém era anônima; nem o rei sabia dessa atividade.

Num desses dias de distribuição, o rei apareceu, inesperadamente, e a rainha, temendo a censura do marido, escondeu os pães nas dobras do avental.

O rei percebeu o gesto e perguntou, surpreso:


Que tendes em vosso avental?

A rainha, erguendo o pensamento ao Senhor, disse em voz trêmula:

São rosas, senhor.

O rei replicou:

Rosas em janeiro? Deixai que eu as veja e aspire seu perfume.

Santa Isabel abriu o avental e, no chão, para espanto geral, caíram rosas frescas, perfumadas, as mais belas até então vistas.

D. Diniz não se conteve e beijou as mãos da esposa, retirando-se enquanto os pobres gritavam: "Milagre, milagre !".

Por essa razão, o Dia do Padeiro (ou panificador) é comemorado no mesmo dia de santa Isabel.

Bom dia a todos e principalmente os Padeiros

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias




Fonte : Portal São Francisco
Foto   : São Carlos em Rede

As pessoas são contra o bullyng e ensinam fazendo bullyng


Fui buscar minha filha no colégio e me deparei com um acontecimento na porta do mesmo, onde um aluno estava sentado em cima de um carro, o professor ao sair começou dar uma tremenda bronca no garoto e assinando a bronca com uma frase totalmente preconceituosa e descriminatória com a classe pobre. 

"Você sentou em cima do meu carro por que não é seu. É porque você não tem e nunca terá condição de ter um igual a essa, se tivesse daria valor.

O garoto respondeu:

"O Sr. não sabe se eu posso ou não ter um"

O Professor assinou

" Você não vai ter nunca um igual a esse, você é pobre"

A galera começou a gritar na porta do colégio "zuando" o rapaz e a roda de curiosos de desfez. 

Essa passagem me lembrou de uma cena antiga de " Malhação" que um professor ensina que não se deve praticar o "Bullyng" fazendo "Bullyng". 

A cena era mais ou menos assim:

Com Marcela, Excelsior prepara uma aula de balé
Zé Excelsior (Luís Salém) não quer saber de bullying no Colégio Quadrante. Depois de Orelha (David Lucas) zoar Rafa (Rodolfo Valente) na aula de interpretação, o professor de teatro resolve dar uma lição aos alunos.
Com ajuda de Marcela (Danielle Winits), Excelsior prepara uma aula de balé para a galera do 2º ano, com direito a tutu:

“Quero ver quem é macho o bastante para vestir um tutu”, desafia o professor.

Os meninos da turma começam a reclamar e Marcela se mete.

“Quem está no comando hoje é o Zé Excelsior. E não acho palhaçada! É bom pra entender e respeitar as diferenças”, diz.

Rafa toma coragem, veste o tutu e os meninos acabam seguindo o exemplo.

“Meninos, não fiquem envergonhados. Essa é a grande magia do teatro. No palco, podemos ser tudo: homem, mulher, criança, velho, bicho, árvore… só não tem espaço pra ser preconceituoso”, incentiva Excelsior.

Os meninos acabam relaxando e todos participam da aula de balé.

Pois é!! Uma vez me deparei com essa passagem na "Malhação". A cena colocada na tela escrita parece calma e corriqueira mas na realidade na era. Cheguei na sala de estar e encontrei minha mãe cochilando diante da TV. Estava ligada na série Malhação, dirigida a adolescentes.

Na tela, rolava a cene descrita acima. Mas vendo a cena era bem mais intrigante do que se parece.

Um senhor aparentemente homosexual humilhava os rapazes de um colégio. A princípio, achei que era aula de educação física. Com rosto e gestos de desprezo, estava obviamente atacando aqueles que queriam ser “machistas”.

Forçou-os a colocarem saias de balé. Enquanto isto, discursava, de maneira irritada e desafiadora, contra “preconceito”. Sou contra o preconceito também mas fiquei estarrecido com a cena mais gritante de bullying por um professor que já vi. E olhe que tive alguns professores craques em humilhar seus alunos psicologicamente! Pensei—será que ninguém enxerga que isto também é bullying?! Fazer o preconceituoso passar por constrangimento para aprender.

Descobri que no episodio era a Semana Literária do Colégio Quadrante e que o programa todo foi construído CONTRA o bullying. Como assim? Contra o "Bullyng" e fazendo um? A Globo as vezes passa do limite sem pensar.

Parece que quando é por uma causa politicamente correta, professor não apenas pode deixar a literatura para trás, mas pode pegar uma turma para agredir verbalmente e humilhar à vontade.

Será que pode mesmo? Pais, pensem! Qual a opção de comportamento que sobraria para o filho de uma família se ele estivesse inserido naquele ambiente criado pela Globo?

Esse professor do colégio de minha filha errou feio. Hoje em dia acontece muito nos colégios. Educadores fazendo isso e transformando os meninos e meninas revoltados para o futuros. E isso já vem acontecendo a muitos anos. É por isso que o povo está assim, malucos , revoltados. Esse povo já foi aqueles alunos do passado, o que sera da próxima leva de alunos quando virarem adultos?

Eu não vi o que veio antes, nem o que aconteceu depois. Não estou dizendo que os meninos “hétero” fizeram coisa boa. Mas afirmo que VIVEMOS NUM MUNDO ONDE AS PESSOAS ACABAM LEGITIMANDO AQUILO QUE CONDENAM, EM PROL DAS CAUSAS QUE APROVAM. O que aquele professor fez para tentar corrigir aquilo que percebia como erro também foi bullying. Ele usou sua posição e autoridade para intimidar e manipular seus alunos psicologicamente a fazer algo contra a sua vontade e, mais ainda, talvez contra a sua consciência.

Temo que, mais e mais, os nossos filhos e netos serão sujeitos a isto nas escolas seculares que pretendem promover ações contra “preconceito”. Declaro que humilhar é errado em qualquer contexto.

Eu temo o futuro do mundo com a "leva" de novos adultos.


Um abraço a até amanhã.

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias





"As ferias estão chegando!!! Vivaaa!!! Mas o perigo do cerol vem junto. Cuidado."

Bom dia amigos.

As férias escolares estão na porta de julho e ainda continuam a ser um tempo de alegria, diversão e descobertas para estudantes de todas as épocas e idades.
Quando criança, não era diferente.
O inverno havia deixado a vegetação mais viva, mesmo já começando a tornar-se verde-cinza, dava ao ambiente uma sensação de estação atípica, como se temperada.

Do meio dia em diante estávamos na praça, brincando com o vento seco e forte que cercado pelos morros, voltava-se para a cidade, varrendo ruas, levantando ondas de poeira e desfolhando árvores.
Fazíamos tanta "M" nas ferias que alguns passavam o restante do mês a se recuperar de uma perna ou braço fraturado.

Quando chegava à noite, tinha o parque ou circos, sempre a ocupar terrenos baldios, mas ainda dentro da cidade.
Desfrutávamos nós, garotos, da animação. Nos acercando de vendedores de pipoca, picolés, pirulitos, estes sempre a serem levados em pranchas de madeira, algodão-doce. Lembro dos vendedores de pirulito de mel que batial com um ferro em um pedaço de madeira pequena fazendo "tectectectece"

Era muito a desejar e pouco pra se gastar.
Tínhamos rodas-gigantes, balançadores, carrosséis que ainda fazem hoje a alegria da garotada.
Assim as noites de férias seguiam, com músicas, brincadeiras, risos e gargalhadas. No fundo, o contínuo e mecânico som dos aparelhos de diversão em movimento.
Restos eternos de tempos livres e despreocupados, tempos estes que nos fazem lembrar e sempre saudar como um dia antes fizemos, os tempos de férias, todos os que vivemos, e os que ainda vamos nos permitir viver.

Mas as ferias agora me preocupa pois é tempo de pipa. E o cerol e as linhas "Chilenas" continuam a serem usadas. 

Não deixe que seu filho solte pipa com cerol mesmo que ele esteja soltando em um local descampado. A pipa dele pode ser cortada e a linha, com extensão grande, vai junto com a pipa e ficar pendurada no meio de uma avenida onde passará um ciclista ou motociclista e essa linha poderá cortar sua cabeça

Mas mesmo assim as ferias e muito bom. 

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias


"Não escrevi ontem em solidariedade a povo de Casimiro de Abreu. Hoje faço uma homenagem"

No dia 2 de Julho não escrevi nestas linhas para dar espaço as notícias que chegavam sobre o incêndio em Casimiro de Abreu.

O incêndio comoveu a cidade tranquila e hospitaleira que fica no interor do Estado do Rio de Janeiro.


O acontecido comoveu a cidade, não que a tragedia tenha causado muitas mortes, mas causou uma perda muito grande para a cidade onde a maior loja de departamentos, orgulho da cidade, a maior parte foi consumida pelo fogo. A loja, que é ícone comercial da cidade e grande geradora de empregos, teve 2 mil m² de sua área total queimados na noite desta quarta-feira (1) em um incêndio.


Nas ruas da cidade, moradores, clientes e funcionários da loja, inaugurada há mais de 100 anos, não escondiam a emoção e o desespero (veja reportagem acima). Nas redes sociais, a comoção e a solidariedade se repetiram.

O PJ esteve em muitos momentos da minha vida e da minha família. Eu visitava parentes na cidade e vi essa grande loja crescer, era somente 2 portas. Estou na torcida por Casimiro de Abreu,

Amigos, é tão querida a PJota Center que as ruas ficaram lotadas no momento do incêndio. Tinha muita gente chorando, muitas que trabalham na loja  e outras que se orgulham da PJota ser na cidade. O clima era de pessimismo falando que a cidade tinha acabado, porque é único lugar que dá emprego e atrai pessoas para Casimiro. 


O PJota é o segundo maior gerador de emprego depois da prefeitura da cidade. Segundo um texto do site da empresa, são cerca de 400 funcionários.

Mesmo em meio à crise, a nota da empresa buscou tranquilizar os funcionários ao informar que vão manter integralmente o quadro de colaboradores, mesmo durante a recuperação do prédio. A nota diz:

"Queremos agradecer o apoio da população de Casimiro de Abreu; de nossos funcionários; da Defesa Civil; do Corpo de Bombeiros; das Prefeituras vizinhas e dos empresários locais que estiveram ao nosso lado durante o incêndio.

No dia do ocorrido a fumaça se misturava às lágrimas de muitos moradores que, em um clima de comoção, acompanhavam o fogo consumindo o depósito da loja.

A loja, que é ícone comercial da cidade e grande geradora de empregos, teve 2 mil m² de sua área total queimados. Nas ruas da cidade, moradores, clientes e funcionários da loja, inaugurada há mais de 100 anos, não escondiam a emoção e o desespero. Nas redes sociais, a comoção era comentada em diversas postagens.

"força e coragem na reconstrução dessa linda história. O PJ é nosso!”

"fiquei muito triste com a notícia do incêndio"

“Estamos na torcida por vocês! Somos e sempre seremos clientes de vocês!”

diziam algumas das declarações em resposta à uma postagem da própria loja, publicada por volta das 15h desta quinta-feira dia 2.

As publicações, além de desejarem a rápida recuperação da loja, mostram um carinho especial do público pela representatividade da loja, que ainda não tem data de reabertura divulgada.

Força povo de Casimiro. Sigam, o que diz no proprio site da loja, o homem que começou tudo isso. O velho Libanes sozinho começou tudo isso onde não faltou coragem.

"Seguindo a trilha de coragem e empreendedorismo de um mascate libanês, passando de pai para filho princípios de disciplina, dinamismo, equilíbrio"

Nunca desistam

Bom dia


Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias

"Todo mundo tem um "Dick Vigarista" em sua vida. Misericórdia!!"

Ola amigos de todos os dias. Você tem um "Dick Vigarista" na sua vida?

Acho que todo mundo tem. Você lembra do desse personagem?

Quando criança, adorava assistir ao desenho Corrida Maluca, dos Estúdios Hanna-Barbera.

Dentre todos os personagens o que nos chamava mais a atenção era o Dick Vigarista. Espertalhão, sempre estava aprontando alguma coisa para “temperar” a trama. Seu cão sempre estava "zoando" seu dono quando ele se ferrava.

Uma marcante característica do Dick Vigarista, que na época passava despercebida aos olhares dos infantis telespectadores, mas que hoje nos damos conta.

Era que o simpático senhor, para preparar seus arranjos, para trapacear e tentar obter alguma vantagem sobre os demais competidores, tinha que estar à frente na corrida !!

O velho era meio burro e ganancioso. Se já tinha uma posição lá na frente da corrida, por que, raios duplos, teria que trapacear?

O simples fato de ser o primeiro colocado já não deveria ser suficiente para um corredor sentir-se satisfeito? Pois bem, era preciso, além de ganhar a competição, ainda por cima, fazer com que os demais participantes fossem aniquilados. Não basta vencer. É necessário destruir o resto.

Pois bem, assim acontecia. Mas, por obra-prima do destino, por um capricho refinado da Vontade (e Justiça) Divinas, a energia e talento que o mesmo empreendia nas tentativas de prejudicar os companheiros, ao invés de focar no que realmente interessava, alcançar a linha de chegada, não resultavam em benefícios ao próprio. Pelo contrário, o desonesto competidor sempre acabava vítima de suas trapaças, provando do próprio veneno e nunca ganhou sequer uma corrida.

Na vida de hoje temos muitos personagens deste tipo. Encontram-se desviadas do senso de unidade, carentes de um “unidos, todos venceremos” e ignorantes do significado da honra. Pisam fundo no acelerador da máquina e atropelam tudo o que lhes aparece pela frente. Por debaixo do pano, estraçalham o interesse coletivo em prol do particular. Muitos políticos em Brasilia são "taxados" de "Dick Vigarista" amamentados pela mãe gentil, de tetas fartas e generosas, estão sempre querendo mais e mais, preparando conluios e tramoias, esquemas e falcatruas, mentiras e improbidades tais, que fariam o nosso já doce, amável e querido Dick Vigarista ser "figurinha pequena.

Resta-nos, entretanto, a consoladora esperança de que, a exemplo dos antigos episódios daquela corrida que alegravam nossa infância, “Dick, o Vigarista” seja colocado no seu merecido lugar, como perdedor campeão. O "Dick Vigarista de sua vida, no trabalho, na rua, na vizinhança, por mais que queira, por mais que faça, por mais que se esforce, nunca ganhará uma corrida. A justiça, cedo ou tarde sempre prevalecerá.

Tenha a certeza disso.

Se você é um "Dick Vigarista" já sabe, vai perder a corrida que está disputando comigo....kkkkk...estou rindo igual ao cão "Mutley" do personagem. 
hi,hi,hi,hi,hi


Bom dia amigos



Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias


Foto : Site Estúdios Hanna-Barbera. 

"Quem acredita somente no seu mundo não conhecia Cristiano Araujo. Que absurdo"

Me admiro as pessoas dizerem que não conheciam o cantor Cristiano Araujo. Milhares de pessoas escreviam nas redes sociais admirados com o Jornal Nacional e vários outros telejornais dispondo de dezenas de minutos para Cristiano Araujo.

A pessoa que faz isso na rede social assina seu mundo pequeno ou esta dentro de uma caixa fechada que só acredita no seu mundo e não aceita mudanças em sua "playlist" musical ultrapassada ou trancada para diferentes estilos musicais.

A culpa disso é a tecnologia que em nossos próprios telefones colocamos somente estilos que gostamos, 3 o 5 mil músicas guardadas sem renovação ou excluímos aquelas que achamos ridículas.

É ai que acontece de não conhecermos certos cantores que enchem estádios ou festas de piões onde suas músicas estão da boca de milhões de pessoas, menos na sua e você assina na rede social que não conhece e fica como uma pessoa desinformada somente acreditando o mundo dentro de sua bolha só deixando entrar aquilo que você ACHA BOM.

Devemos ser ecléticos musicalmente. O cara era querido por vários ícones da música como: os irmãos Zezé Di Camargo e Luciano(Será que você conhece?).

No entanto, para uma parte do Brasil —a que não conhecia Araújo até sua morte — a música brasileira ainda se resume a clássicos como Tom Jobim, Chico Buarque, Caetano Veloso e Gilberto Gil e agora milhões de pessoas só tem em suas "playlist" funk e só acreditam nisso.

Como uma parte do povo brasileiro é tão impressionantemente ignorante culturalmente.

São cidadãos dos grandes centros urbanos, como Rio de Janeiro e São Paulo, e que vivem dentro de uma bolha.

Me admiro jornalistas escreverem em rede social que não sabiam que era Cristiano Araujo. ´

É assinar atestado de mal informado.

Como defensor do rádio digo que antigamente se conhecia todos os cantores pois não tinha tecnologia em telefones e "playlist" egoístas deixando o lado o eclético mundo musical.

Ouvem rock e pop estrangeiro e funk ruim mas não abrem suas listas de músicas arquivadas e colocar novas músicas que estão bombando em todo o Brasil.

Com isso ficam pagando mico nas rodas de pessoas com sua boca aberta se sentindo deslocado por que não conhece tudo. Seja eclético, leia mais, pesquise, estude e abra sua caixa e saia dai.

Sai de sua "BOLHA". O MUNDO GIRA FORA DELA.


Bom dia

Ariel Villanova

O seu amigo de todos os dias


Foto : Flavio Costa
Montagem : Jornal O Resumo







" Com a morte do cantor faço uma pergunta : A morte existe ou não existe?"

Com a morte do cantor Cristiano Araujo precocemente me fez ir novamente na internet e pesquisar alguma coisa da morte.

 A morte não é o término da existência humana.

Você não acredita? Tem todo o direito. Mas se for verídico?!

Premie-se, meus amigos, com o direito à dúvida, base do discurso científico, que, na perquirição incessante, continua rasgando estradas novas para a Humanidade.

Disse Jesus, o Cristo Ecumênico: 

“Deus é Deus de vivos, não de mortos. Por não crerdes nisso, errais muito” (Evangelho, segundo Marcos, 12:27).

Espiritualidade Ecumênica

A morte não interrompe a vida, portanto o aprendizado não tem fim. Na Terra ou no céu da Terra, prosseguimos trilhando o caminho da Eternidade. De acordo com o nobre médico e político brasileiro dr. Adolfo Bezerra de Menezes (1831-1900), “a morte é como um sopro que realiza o transporte da Alma do estado de dimensão física para o de vibração espiritual. A Vida é eterna”.

O conceituado pastor norte-americano Billy Graham, confiante, sinalizou: 

“(...) este mundo não é o nosso lar definitivo. Se nossa esperança está verdadeiramente em Cristo, somos peregrinos neste mundo, a caminho de nosso lar eterno no céu”.

Entretanto, de modo algum essa consciência deve ser pretexto para o suicídio, porquanto se trata de atrocidade contra o corpo humano que nos serve de instrumento educativo.

Que a Paz de Deus esteja agora e sempre com todos da família do cantor. 

E vamos em frente, trabalhando, realizando e atuando com decisão, coragem, solidariedade, porque Deus, entendido como Amor, está presente para vivos, “mortos”, crentes e ateus.

A letra da música que projetou o cantor agora vai ficar na cabeça dos que o amavam.

Bará bará bará, Berê berê berê
Bará bará bará, Berê berê berê berê
Bará bará bará, Berê berê berê

Bom dia 

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias

"Que saudade do tempo de pique esconde e pera, uva ou maçã"

Que saudade de todas as brincadeiras de criança sem as tecnologias de hoje.

Navegando na internet me deparei com um cara que pensa como eu. Lendo sua cronica não podia deixar de colocar hoje em nossa coluna. O nome dele é Elieldo Duarte. Em suas linhas, como antigamente se fazia escrevendo em uma maquina de datilografia, ele escreve que tem saudade do passado e compara o mundo moderno.

Hoje são tantas atrações na vida de uma pessoa que ela pode até deixar passar a vida sem perceber. O mundo real exige muita observação, ouvidos atentos. Isso é o alimento da alma, e é isso que nos dá o prazer de cada dia. Perceber e vivenciar os modismos da atualidade não é exatamente enxergar o mundo, ver a vida.

Momentos de conversa com amigos, conversa compartilhada sem pressa, sem obrigação. Diz-se que recordar o passado às vezes pode ser doloroso, mas ninguém vive sem recordações. 

Imagino o que os jovens de hoje recordarão no futuro e sinto um pouco de pena deles. Tomara que sintam o que nós, jovens dos anos 70, 80 e 90 sentem hoje. Acredito ser esse o motivo de minha mente ter parado aos 25 anos; pelo menos eu sinto assim.

A correria do dia-a-dia, o trabalho, as preocupações de hoje não são justificativas para ninguém dizer que raramente conversa com amigos. O que se vê são grupos de amigos (se assim se pode dizer) aglomerados. Sim, porque não é difícil encontrar essas pessoas em volta de uma mesa todas teclando em um celular de última geração, todos olhando para a telinha, todos querendo saber o que se passa lá fora. O que se passa longe parece mais importante do que esse momento de encontro. Então é só aglomeração mesmo. A história, as angústias, as alegrias dos presentes não importa tanto.

Do que essas pessoas lembrarão daqui a 10 anos? 

Da conversa que não houve? Das histórias que não contaram? De que? Apenas da foto tirada no momento, isso se a foto ficar arquivada, porque impressa talvez não estará, nem em papal, nem na mente de ninguém. As pessoas de hoje estão apaixonadas por telefones celulares e redes sociais.

Por isso alegro-me praticamente todos os dias por ter atravessado os anos 80 e 90, quando brincadeiras de criança envolviam a criatividade de cada um. 

Cantigas, brinquedos improvisados e noites de lua faziam a festa da garotada adolescente daqueles anos. 
Banhos de chuva eram tão comuns e marcantes que ainda hoje sinto saudades, e ainda hoje aprecio, basta chover forte. Eram momentos de puro deleite ao lado de uma turma cujos nomes eram pronunciados dezenas de vezes em pouquíssimo tempo, nesses momentos de alegria, quando a idade de cada um estava mais de acordo com seu pensamento, suas atitudes. 

Rapazes e moças curtiam e paqueravam ao estilo da época, enviando cartas, bilhetes, onde se podia ver a marca registrada de cada um. Era uma época de menos tecnologia, porém de mais calor humano.

Como era bom não conhecer o mundo lá fora. Não saber das desgraças que hoje a TV insiste em mostrar, enquanto deixa de lado as vitórias da humanidade. Parece que hoje se vive do tragédia que choca e não da serenidade, da esperança, das boas notícias.

Naquele tempo sentíamos os doces e amargos da vida, enquanto hoje somos rodeados quase que totalmente por uma calamidade que parece não ter fim. 

Será isso que estará nas lembranças das pessoas daqui a 20 anos? É necessário muito esforço para sentir os pés no chão, sentir o vento que nos sopra todo dia, a lua que se apresenta à noite. Porque o mundo parece girar tão rápido que nem percebemos essas coisas simples, mas tão importantes do dia-a-dia. As pessoas estão tão acostumadas a buscar algo distante que esquecem das belezas que estão tão próximas, tão fáceis. É o mundo distante que parece ser mais bonito, interessante. Por isso acredito que recordar é algo tão bom quanto ter vivido certos momentos, ter vivido a perfeição das coisas simples. 

Saudade imensa dos anos passados.

Bom dia amigos

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias





"Fim de semana foi em baixo do edredom, Que frio é esse moleque?!?! "

Caraca veio que frio!!!  O meu fim de semana foi em baixo do edredom. O pior foi hoje de manhã. Acordei, por volta das 6:45hs, como faço diariamente, tomo um banho, mas o frio atinge a caixa de água e a água fica muito fria. Nessa época tomar banho vira pra mim uma sessão de tortura. Mesmo assim resolvi pegar o meu kit banho. Liguei o chuveiro antes mesmo de tirar a roupa, na verdade meu desejo era de tomar banho com roupa e tudo, mas sei que seria pior depois. 

Fiquei olhando aquela água caindo, mas minha imaginação faziam eu desistir, mas não podia. Respirei fundo e num ato de grande coragem molhei o pé, mas ai a água já parecia sólida, minúsculos cubos de gelo se quebrando ao cair no chão, pois do chuveiro até o chão essa mesma água perdia temperatura, sem exageros.
Mas enfim, enfrentei aquele monstro e venci, o difícil é imaginar que estamos apenas no começo do inverno e que as temperaturas poderão cair mais, ai não sei se a minha coragem vai sair vitoriosa, talvez eu prefira um banho de perfume....rsss.
Poxa! será que com toda tecnologia que temos, ninguém consegue inventar um banho a seco? Mas soube que existe. kkkk 

Que frio é esse amigos.

Mas eu gosto dessa estação. No inverno, nesta época do ano pra mim é a melhor...adoro o frio, as noites de inverno são lindas...somente o banho que é ruim. mas com um bom aquecedor criamos coragem e vamos, mas com a água quentinha as vezes é difícil sair do banho.



Gosto do inverno por que todo mundo fica elegante nas ruas , ate as piriguetes andam mais elegantes...kkkkk

A unica coisa negativa na estação inverno é que animais abandonados sofrem e pessoas sem grana ficam sem uma coberta...mas enfim, é o mundo cruel mesmo.



Acabei de tomar banho e vou tomar café, vruruvruuuu, que frio...

Vamos começar os trabalhos de hoje amigos. Com frio ou não Bom dia

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dias






"Acorda povo brasileiro"

Lembram dessa imagem. Hoje vamos ter um "bom dia" rápido e me faz lembrar do refrão da música do Léo Jaime "Nada Mudou"

Todo mundo me diz bom dia
Todo dia é sempre igual
Crianças pedem na janela do carro
Até nas noites de Natal

Ô, ô, ô, ô, nada mudou..........

Caraca amigos, no tempo do Collor o próprio PT insatisfeito mobilizou o povo para tirar o presidente.  Já está na hora para fazer um barulho como foi no tempo do Collor ? 
Me lembro de outro refrão da música de Geraldo Vandré que os Petistas lembram muito bem e o homem dos 9 dedos cantou muito quando era jovem. 
Na atual situação é melhor lembrar da música toda.

Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Somos todos iguais
Braços dados ou não
Nas escolas, nas ruas
Campos, construções
Caminhando e cantando
E seguindo a canção

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer


Povo brasileiro, prestem bem atenção. O Banco Central acaba de anunciar: a energia elétrica terá mais um reajuste, e a gasolina também.

Temos que fazer alguma coisa. O Brasil é nosso!  Por favor, você que está lendo este bom dia, divulgue-a ao máximo de pessoas que puder, divulgue no final de semana, assim ela repercutirá com resultado positivo para nós. 

Você já viu a  riqueza do LULINHA. 

-Sócio majoritário dos Frigoríficos JBS (Friboi)
-Sócio majoritário da Telefonia OI. 
-Proprietário de 6 fazendas que somadas dão um total de 1.400.000 hectares . 
-Criador de mais de 500.000 cabeças de gado no Estado do Para. 
-Hoje seu meio de transporte e um Jato Executivo avaliado em 50.000.000,00 milhões de dólares 

Para quem era Metalúrgico . Essa é parte da distribuição de renda do ex-presidente Lula defende para a Dilma. 

Vários políticos, todos do PT, já foram INCRIMINADOS na delação premiada. 

Este governo por meio de seus políticos roubavam mais de 3% de TODOS os contratos sob sua responsabilidade, desde 2003 até os dias de hoje!  

A VERDADE está chegando na HORA CERTA!  

"O POVO ESTÁ DORMINDO. NÓS COMPANHEIROS DA INTERNET SOMOS UNIDOS, PARA FAZER O QUE NUNCA ANTES FOI FEITO NESSE PAÍS: 

 "OU A CORRUPÇÃO PARA, OU NÓS PARAMOS O BRASIL!" SEJA PATRIOTA: Passe adiante... Se cada pessoa passar para 10 amigos de setores diferentes atingimos 5 milhões de usuários . 

Vamos tirar 5 minutos para mudar o Brasil , faça sua parte! 

Se tem coragem "cara pintada", pinta a cara de novo e vai pra rua


Bom final de semana

Ariel Villanova
O seu amigo de todos os dia

Foto : Revista Veja